Campanha de incentivo para doação de cabelo espalha-se por Campinas

 

 

Roberta Ferreira, 16, está esperando o cabelo crescer mais para cortá-lo
Roberta Ferreira, 16, tem o desejo de ajudar, mas ainda não se decidiu (Foto: Natalia Mitie)

 

Por Natália Mitie

Uma campanha diferente tem surgido por Campinas e mobilizado mulheres a doarem cabelo para pessoas em tratamento de câncer. A iniciativa tem como proposta estimular os pacientes por meio da recuperação da autoestima. Foi exatamente essa oportunidade de ajudar a quem realmente precisa aliada à vontade de renovar o visual que incentivou a economista Marina Steffen, 23, a cortar 21 cm do cabelo. “Sempre corto uma vez por ano, mas nunca havia doado meu cabelo. Achei muito legal a ideia”, conta.

O desejo de a economista ajudar não parou por aí. Logo após a doação, Marina divulgou a atitude pelo facebook, o que acabou influenciando outras pessoas. Sensibilizada pela decisão da amiga e pelo desejo de contribuir  com o próximo, Luiza Di Marco, 22, também aderiu a causa. “Ajudar uma criança que está passando por um momento difícil e saber que, de certa forma, foi a minha atitude que a fez se sentir melhor foi o que realmente me fez decidir cortar o cabelo”, diz.

A estudante de medicina Corinna Vieira também ficou sabendo da campanha por meio de redes sociais. “Apesar de achar uma atitude maravilhosa, a princípio não tive coragem de cortar, pois gostava muito do meu cabelo comprido”, confessa. No entanto, Corinna colocou-se no lugar dos pacientes e questionou a importância que o cabelo tinha para ela e para a maioria das mulheres. “Foi justamente por pensar o quanto seria ruim perder os cabelos, que resolvi fazer a doação. Tem alguém precisando mais dele do que eu”, afirma.

Atentos ao aumento da demanda, a Associação Voluntária de Combate ao Câncer (AVCC) de Barretos iniciou há cerca de 7 anos o projeto de doação de cabelos. “Percebemos a necessidade dos pacientes e, ao mesmo tempo, tivemos uma grande procura de pessoas que tinham o desejo de doar os cabelos”, explica a voluntária do AVCC, Valdira de Oliveira, 69. A Associação recebe doações de cabelo e produz perucas, as quais são emprestadas para os pacientes do Hospital do Câncer de Barretos, até que o cabelo cresça novamente. “Sabemos que a perda do cabelo é um momento difícil do tratamento do câncer. Alguns tiram de letra, mas a maioria não”, frisa Valdira.

Apesar do sucesso da campanha, os médicos do Centro Infantil Boldrini acreditam que é necessária cautela na valorização do uso da peruca. “Nossos médicos procuram mostrar às crianças que a perda do cabelo é apenas uma fase do tratamento e que logo ele voltará a crescer novamente. Além disso, não há perucas suficientes para todas as crianças”, argumenta o responsável pelas Relações Institucionais do Centro.

 

Quer doar também?

AVCC – Associação Voluntária de Combate ao Câncer

Avenida Paulo de Mattos Leandro, 1357 Bairro Dr. Paulo Prata

CEP 14784-379 – Barretos/SP

Telefone: 17 3321-6600 – Ramal: 6792

E-mail: contato@avccbarretos.com.br

 

Para a doação de cabelo, é necessário um corte de no mínimo 20 cm
Para a doação de cabelo, é necessário um corte de no mínimo 20 cm (Divulgação)

 

Editado por Rodrigo Rabello

4 comentários

  1. Olá! quero doar meus cabelos para ajudar os enfermos de câncer do hospital Boldrini campinas, moro na cidade de Vinhedo, como devo fazer?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s