Onda de frio tem dias contados em Campinas

Por Beatriz Balthazar

O Professor da Unicamp,  Ilson Silveira Pinto, do Cepagri, afirma que apesar da frente fria atípica que estamos vivenciando,  na terça-feira, dia 14 de Junho, as temperaturas devem voltar a subir. Apesar da coincidência do início da frente fria com a microexplosão que ocorreu no domingo do dia 5 em Campinas,  os dois fenômenos não possuem nenhuma ligação.

IMG-20160612-WA0015
Dom Pedro coberta por neblina (Foto:Beatriz Balthazar)

A Microexplosão, que causou perda de energia elétrica a mais de 100 mil pessoas, fez com que a Defesa Civil realizasse 536 vistorias por conta dos danos. Entretanto, a microexplosão não será o único fenômeno que causará problemas. O engenheiro especializado em refrigeração, Mauricio Vasconcellos dos Santos,  alerta que se o frio continuar, uma série de danos e acidentes domésticos podem acontecer. “Já que todos os produtos que possuímos são feitos para acomodar as nossas condições climáticas normais, quando existem mudanças atípicas, há sempre um número alto de ocorrências com os produtos. Apesar de haver sistemas de segurança para a maioria desses acidentes não acontecerem, já que a probabilidade é muito baixa e o custo de ter esse sistema é alto, geralmente esses sistemas de segurança são descartados.”

new-piktochart

Editado por Mariana Fernandes.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s