Prêmios Santander Universidades incentiva ideias e projetos acadêmicos

Por Samuel Garbuio

Terminam nesta quinta-feira, 17 de setembro de 2015, as inscrições para a 11ª edição dos Prêmios Santander Universidades, concurso que incentiva ideias e projetos de alunos, professores e pesquisadores para a valorização da gestão das Instituições de Ensino Superior no Brasil.

Na última edição, realizada em 2014, um dos destaques foi a equipe formada pelos estudantes Tiago de Carvalho Gremoni e Marina Helen Panini Valente, ambos do curso de Ciências Econômicas, da Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (ESALQ), da Universidade de São Paulo (USP).

Eles passaram por todas as etapas da categoria Empreendedorismo, do concurso, e chegaram a final. O projeto desenvolvido por eles recebeu o nome de ‘Navitas do Brasil: mitigando os riscos associados à ineficiência do mercado brasileiro de energia elétrica’. A proposta foi desenvolvida sob a orientação do professor Dr. João Gomes Martines Filho.

Assim como eles, podem participar do concurso alunos de graduação e pós-graduação, devidamente matriculados durante o período de inscrições em Instituições de Educação Superior (IES) Públicas e Privadas, reconhecidas pelo Ministério da Educação (MEC). Mesmo alunos de universidades que não mantêm convênio com o Santander Universidades, podem se inscrever.

Com mais de R$ 9 milhões investidos nos últimos dez anos, a iniciativa do Santander Universidades Brasil, recebeu até hoje cerca de 66 mil projetos, com mais de mil universidades participantes somente no último ano.

Tiago e Marina em cerimonia de divulgação e premiação dos projetos vencedores
Tiago e Marina em cerimonia de divulgação e premiação dos projetos vencedores. Foto: João Gomes M. Filho

Em 2014, mais de 20 mil trabalhos foram enviados, e o projeto de Tiago e Marina ficou entre os 15 finalistas. Tiago conta que “ao todo foram cinco etapas: na primeira etapa foram selecionados 150 propostas (das mais de 20 mil enviadas), na segunda etapa foram selecionadas 42 propostas semifinalistas, das quais 15 foram classificadas para a etapa final. Na etapa final as 15 propostas selecionadas foram apresentadas para a banca examinadora em uma apresentação no formato “pitch” – na qual sua ideia deve ser apresentada em, no máximo cinco minutos, para os avaliadores. Destas 15, a banca selecionou quatro propostas vencedoras. “Passamos por todas as etapas e chegamos na final. Infelizmente não estávamos entre os 5 vencedores, mas a oportunidade e a experiencia foram incríveis”.

A escolha dos cinco vencedores é dividida da seguinte forma: quatro são selecionadas pelo Juri acadêmico e pela bancada examinadora e um é selecionado por júri popular, por meio de votação no site.

De acordo com Tiago, a proposta do projeto foi a criação da “Navitas do Brasil”, uma corretora de valores mobiliários cuja principal atividade seria a intermediação e negociação de instrumentos financeiros voltados à redução do risco atrelado à volatidade dos preços no mercado Spot de energia elétrica brasileiro, o que facilitaria o planejamento estratégico das geradoras e distribuidoras de energia, o que poderia tornar as alterações dos preços pagos pelo MW/h pelos consumidores finais menos frequentes”.

Como finalistas do concurso, Tiago e Marina ganharam um curso sobre empreendedorismo da Endeavor Brasil. E o estudante nos contou que está na disputa da edição deste ano também: “não só iremos participar como já submetemos uma nova proposta para esse ano. Agora é só aguardar a divulgação do resultado da primeira fase, que será no dia 01 de outubro”.

Outro destaque da edição de 2014 foi o projeto CMOB, um sistema de gerenciamento imobiliário em nuvem, desenvolvido pelo estudante João Calvino Cason, do curso de Análise de Sistemas da Faculdade Anhanguera de Limeira, que à época do concurso fazia Ciência da Computação. João foi um dos 42 semifinalistas do Prêmio Santander Empreendedorismo 2014, concorrendo com universitários do Brasil todo.

João desenvolveu por completo todo o escopo e infraestrutura do projeto e contou para o Digitais que não participará do concurso dessa vez, mas está em seus planos voltar a concorrer com o projeto, que ele considera bastante promissor: “Eu cheguei às semifinais, acredito que pela falta de ter um protótipo testável de meu projeto eu não tenha progredido às finais, pois todos os finalistas eram projetos com protótipos, já o meu chegou à essa etapa apenas pelo meu projeto documentado, o que considero grande conquista. Estou aprimorando a ideia do meu projeto para voltar a inscrevê-lo ano que vem ou no próximo já com protótipo e aí sim tentar conquistar um lugar na final e quem sabe o prêmio do projeto, para enfim idealizá-lo”.

A principal motivação do estudante “foi ver o quão promissor meu projeto poderia ser e me trazer realmente a ser dono de uma empresa de tecnologia de grande porte, e através desse projeto e participação, sei que é totalmente possível e estou trabalhando para isso”.

Novidades para a comunidade acadêmica

Em 2015, serão mais de R$ 2 milhões em prêmios e bolsas de estudos internacionais, além de três novidades: No Prêmio Santander Ciência e Inovação, o destaque será para Agronegócios na categoria de Biotecnologia. O Prêmio enaltecerá as pesquisas realizadas neste segmento com R$ 100 mil como reconhecimento ao trabalho do pesquisador.

No Prêmio Santander Empreendedorismo, um dos cinco reconhecimentos será entregue para o melhor projeto de Soluções em Meios de Pagamento, de acordo com a avaliação da Comissão Julgadora, que vai selecionar também os quatro melhores projetos (sem categoria).

Haverá também na edição de 2015 novas categorias do Prêmio Guia do Estudante, premiando os destaques do Ano com: Apoio ao Aluno, Captação de Recursos, Empregabilidade e Interdisciplinaridade.

Qual será a premiação do Prêmio Santander Empreendedorismo?

Aos cinco melhores Projetos da Oportunidade Empreendedora serão concedidos os seguintes prêmios:  Um Certificado de Ouro no valor de R$ 100 mil reais líquidos;  Uma bolsa de estudos na Babson College – famosa escola de negócios dos EUA, especializada em empreendedorismo – no valor unitário de R$ 12.922,85, entregues aos vencedores e professores-orientadores; Mentoria para aceleração do negócio desenvolvida pela Endeavor, uma organização de apoio a empreendedorismo e empreendedores de alto impacto; além de cursos online, que totalizarão o valor de R$18.000,00, cada.

As inscrições para a 11ª edição dos Prêmios Santander Universidades são totalmente gratuitas e podem ser feitas no site: www.santanderuniversidades.com.br. Os resultados serão publicados no site www.santander.com.br/universidades e fanpage do Santander Universidades, no Facebook.

Editado por Caren Godoy

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s