Família de jovem campineiro faz campanha para conseguir cirurgia em Portugal

Por Fernanda Sotello Lavorini

Desde 16 de novembro de 2008 após o acidente de Leonardo Aranha de Matos de 27 anos, a família além de mudar a rotina, procura formas de melhorar a recuperação do jovem. Leonardo ficou paralítico após seu carro ser atingido por outro veículo que estava em alta velocidade. Ele sofreu fratura na quinta vértebra da coluna cervical e ficou três meses internado.

Por meio de pesquisas feitas pela internet, a família descobriu nos últimos meses, uma cirurgia que é realizada em Portugal e que poderia ajudar Leonardo. O hospital de Lisboa, oferece uma possibilidade de 70% de recuperação. A pesquisa foi feita por meio de publicações de artigos junto à órgãos internacionais, bem como estudos de células tronco em diversos países como China, Russia, Polonia, Panama e EUA; dentre esses o tratamento de Portugal foi considerado o melhor.

Família de Leonardo Aranha de Matos. Foto: arquivo pessoal da família
Família de Leonardo Aranha de Matos. Foto: arquivo pessoal da família

O hospital de Lisboa avaliou o caso, fez consulta pelo Skype e foi aprovado, a partir disso, a família começou a arrecadar dinheiro e a separar os exames. Já foram realizadas três rifas, uma feijoada no Cambuí e dois bazares beneficentes, que contou com a ajuda de duas igrejas que doaram o espaço e pessoas que fizeram doações.

Alexandre Aranha Alves Ferreira, primo de Leonardo, é estudante de Jornalismo da PUC- Campinas e auxilia na arrecadação de dinheiro para a cirurgia vendendo rifas na faculdade. “Desde que ele sofreu o acidente a família sempre se mobilizou pra divulgar a historia dele, devido as condições dos meus tios, quando ele sofreu o acidente as coisas pioraram um pouco, porque era muito gasto com enfermeiros e fisioterapeutas.”

A  família tem até dia 15 de setembro de 2015, para dar a resposta para o hospital , e precisam arrecadar 35 mil euros (160 mil reais), para a cirurgia. No começo da campanha, o valor a ser arrecadado era de 140 mil, mas devido ao aumento do euro, esse valor  subiu.

Mudanças

Alexandre Alves Ferreira, conta que os primos sempre foram muito próximos e que o acidente foi um choque, desde então faz de tudo para ajudar. “Eu não consigo ajudar com dinheiro, ajudo ele indo lá para conversar, escutar, dar risada, assistimos filme é uma maneira que eu encontrei de me manter perto, conversamos sobre mil coisas, é a maneira que eu encontrei de ajudar”, contou.

Alexandre Aranha Alves Ferreira primo de Leonardo, faz divulgação da campanha. Foto: Fernanda Lavorini
Alexandre Aranha Alves Ferreira primo de Leonardo, faz divulgação da campanha. Foto: Fernanda                                        Lavorini

Alexandre afirma também, que o acidente do primo trouxe mudanças para a família. “O acidente foi um divisor de águas na família, antes do acidente todo mundo viaja, passava natal e ano novo junto, agora é um pouco difícil reunir todo mundo, minha tia e um tio estão sempre com o meu primo e meu outro primo irmão do Léo também. Sempre fomos uma família muito unida, ainda continuamos sendo, só que agora temos essas limitações”.

Divulgação

A divulgação não tinha visibilidade, até que no começo de julho, o pai de Alexandre conheceu um dono de uma agência de publicidade que ficou comovido e quis fazer toda a campanha sem custos para a família. “Não sabíamos como divulgar, agora temos uma equipe profissional”afirmou Alexandre.

Antes de encontrarem essa agência, eles mandaram cartas para os programas de Luciano Hulk e do Gugu, mas nunca tiveram nenhuma resposta. Hoje, além de uma equipe de divulgação eles conseguiram também as passagens aéreas gratuitas com um colega que tem uma imobiliária em Lisboa.

Às quatro da tarde a página oficial “Anda logo Leo” divulga o “vacômetro” que mostra o quanto eles já arrecadaram em dinheiro, a agência de publicidade sabe exatamente a hora que o Facebook esta com mais pessoas online. “A gente nunca ia pensar nisso, desde quando eles entraram, há um mês e meio atrás, a página foi bastante divulgada”, conta Alexandre.

A família ficou surpresa com a quantidade de pessoas que aderiram à causa, principalmente o Carioca, do programa de televisão Pânico na TV que compartilhou uma foto da página, outros participantes conhecidos do programa como Sabrina Sato, Eduardo Sterblitch também ajudaram na divulgação. “Por ele ser muito conhecido na mídia e com muitos seguidores sendo mais de 2 milhões de pessoas, aumentou a colaboração para arrecadar os fundos”, afirma Leonardo.

Para a família ver tantas pessoas mobilizadas é acreditar na fé e crença de que ainda existem pessoas de bem que se mobilizam para ajudar o próximo. Toda essa mobilização deixa Leonardo Aranha de Matos, bastante comovido e agradecido. “Pessoas que participam diretamente e indiretamente tem colaborado com o que podem, me sinto grato por ser ajudado a realizar o meu objetivo de fazer o tratamento em Portugal”

Pós-operatório

As campanhas vão continuar depois que Leonardo voltar da cirurgia, ele vai precisar fazer mais fisioterapia e precisa de dinheiro para contratar profissionais e para fazer um tratamento fora do país, já que o hospital aconselha que após a cirurgia em Portugal o paciente vá para Detroit nos Estados Unidos.

As informações da conta para fazer doações, estão disponíveis na página do Facebook “Anda Logo Leo” , e para comprar rifas o e-mail é: le_95@hotmail.com , serão sorteadas uma camiseta autografada por todos os jogadores da Ponte Preta e uma do São Paulo autografadas pelo jogador Michel Bastos.

Editado por Caren Godoy

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s