Domingo também é dia de história, cultura e bike

Por Vitor Domingues

Acordar cedo durante a semana já é complicado, no domingo acaba sendo muito pior, e muitas vezes, desanimador. Mas existem exceções, como para o cerca de 70 pessoas que compareceram ao já tradicional Indaiatuba by Bike, evento realizado pelo Departamento de Turismo de Indaiatuba.

A 43ª edição do Indaiatuba by Bike, aconteceu nesse domingo (16), às 08:30, reunindo pessoas de todas as idades, desde crianças de 10 anos até idosos na faixa dos 70 anos. O evento desse mês contou com uma novidade no ponto de partida, devido ao protesto contra o governo, o local de inicio foi o Museu Ferroviário de Indaiatuba, e não a Prefeitura Municipal, como sempre acontece.

Ciclistas passando pelo bairro Itaici. Foto: Vitor Domingues
Ciclistas passando pelo bairro Itaici. Foto: Vitor Domingues

Um dos objetos dessa iniciativa é promover a conscientização ambiental dos munícipes e turistas. Por isso, os roteiros são planejados de uma forma que envolva história e cultura da cidade. A rota desse domingo teve como foco as ferrovias, tão importante para o crescimento da cidade, como fala o técnico de Turismo de Indaiatuba e organizador do projeto, Sidney Di Santi Junior. “No passado, a ferrovia foi muito importante para o desenvolvimento de Indaiatuba, trazendo os imigrantes e levando as riquezas que Indaiatuba produzia, como: café, açúcar, algodão e cana”.

O passeio começou saindo da antiga Estação Ferroviária central, atual Museu Ferroviário, um dos pontos turísticos mais visitados do município. Os ciclistas passaram por alguns trechos comuns na época do trem, e que hoje são ruas e praças. Até chegarem à Estação Ferroviária de Itaici, a mais antiga de Indaiatuba, que passou por uma restauração para preservar a memória ferroviária da cidade.

Após a chegada, foram distribuídas barras de cereal e copos de suco para todos os participantes se alimentarem e se hidratarem. Por lá, eles ficaram por alguns minutos descansando. Em seguida, retornaram ao ponto de partida, mas por um caminho diferente da ida. Com muito mais dificuldades devido às ruas de terra e subidas.

Descanso na Estação Ferroviária de Itaici. Foto: Vitor Domingues
Descanso na Estação Ferroviária de Itaici. Foto: Vitor Domingues

Ao total, foram percorridos 15 quilômetros em um tempo de aproximadamente três horas e contou com o apoio do Departamento de Municipal de Trânsito (Demutran), ambulância e SAAE (Serviço Autônomo de Água e Esgoto). Além do exercício físico, cultura e história, o passeio também é uma ótima oportunidade de lazer em família, como conta o empresário, Valmir André Santos, já experiente no evento. “Esse é o nona edição que participo, o terceiro que venho com minha mulher e meu filho. Todos nós adoramos essa iniciativa, que além de nos exercitarmos, engrandece nossa cultura sobre a cidade”.

Ciclistas rumo a parte final do trajeto. Foto: Vitor Domingues
Ciclistas rumo a parte final do trajeto. Foto: Vitor Domingues

A faixa etária recomendada para participação é acima de 10 anos para melhor acompanhar o trajeto, a participação é na faixa e não precisa de inscrição.  Para aqueles que tiverem interesse podem se inscrever no link:   http://www.indaiatuba.sp.gov.br/desenvolvimento/turismo/inscricao-by-bike/ para receber informações sobre as próximas edições do passeio que ocorre mensalmente, geralmente no terceiro final de semana.

Editado por Carolina Neves

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s