Pesquisa aponta três cidades brasileiras no ranking de pior trânsito do mundo

Por Priscila Marques

Castelo Branco, uma das principais rodovias de São Paulo (Fotos: Priscila Marques)

O estudo divulgado na última semana pela empresa holandesa de tecnologia de transporte TomTom, coloca as cidades do Rio de Janeiro, Salvador e Recife entre os 10 lugares mais congestionados do mundo. A análise foi realizada em 146 cidades por meio de dados de GPS e aplicativos de celulares.

O primeiro lugar ficou com a cidade de Istambul, seguida pela Cidade do México, já o Rio de Janeiro assumiu a terceira posição. Salvador e Recife ficaram em quinto e sexto lugar, respectivamente. De acordo com a pesquisa, os cariocas chegam a perder 100 horas por ano em congestionamentos, ou seja, são mais de 4 dias no trânsito.

A bancária Silvia Magalhães, diariamente, perde horas no trânsito a caminho de trabalho

No resultado da pesquisa realizada nas cidades do Brasil, São Paulo ficou em quinto lugar. O paulistano perde, em média, 77 horas por ano no tráfego, como é o caso da bancária Silvia Magalhães, 29 anos, que suporta o trânsito diariamente: “Na parte da manhã, fico 45 minutos só para atravessar essa ponte (do Cebolão em São Paulo)”, desabafa.

A metodologia utilizada pela empresa é a de medição de tempo de viagem durante todo o dia, comparando os horários de pico com períodos de fluxo livre, levando em consideração também as rodovias e estradas.

Ajuda no trânsito

Apesar do trânsito caótico das cidades brasileiras, não faltam recursos para ajudar o motorista a minimizar as horas nas ruas. A novidade está nas mãos de todos, como o uso de aplicativos de celulares que ganham cada vez mais usuários. O destaque fica para o Waze, um aplicativo gratuito que ajuda os que querem escapar do congestionamento e já possui mais de 1,5 milhão de usuários no Brasil. Para o professor e comerciante Wagner Souza,  41 anos, o Waze tem sido de grande ajuda, apesar de algumas vezes confundir os motoristas levando a caminhos equivocados.

Outro auxílio vem de rádios especializadas em tráfego, com informações da CET (Companhia de Engenharia de Trânsito) e dos próprios motoristas. Elas dão dicas de caminhos alternativos e menos congestionados, e ajudam pessoas como Luis Felipe, 29 anos, técnico de qualidade, que chega a ficar 6 horas no trânsito diariamente: “Ultimamente utilizo o Twitter, e também ouço a rádio Sulamérica que é excelente”, afirma.

Veja o ranking das 10 cidades com o pior trânsito no mundo

ranking

Veja o ranking das cidades brasileiras mais congestionadas

ranking_brasilEditado por Willian Sousa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s