Estagiários também podem ter que declarar Imposto de Renda

Por Karina Danielle

Os brasileiros tem até o dia 30 de abril para declarar o Imposto de Renda 2015. Apesar das facilidades, como aplicativos de celular e pela internet, a declaração requer cuidado e atenção. Uma falha pode gerar dores de cabeça com a malha fina daqui alguns meses. O professor Doutor em Ciências Contábeis da PUC-Campinas e diretor-sócio de uma consultoria, Marcos Francisco Rodrigues Sousa, esclarece que até mesmo estagiários podem ter que declarar sua renda.

Se você nunca declarou imposto de renda e é a primeira vez que se depara com o “leão”, existem alguns cuidados a serem tomados, como se atentar ao limite estabelecido pela legislação, a qual obriga que o contribuinte declare caso o seu rendimento anual tributável seja superior a R$ 26.816,55. O estagiário que recebeu a cima deste valor também é obrigado a declarar. Além disso, há outras regras que todos os brasileiros devem se atentar. Veja no gráfico abaixo.

untitled-infographic4
Saiba mais sobre o Imposto de Renda de 2015 (Infográfico: Karina Danielle)

 

O Prof.Dr. Marcos Francisco Rodrigues Sousa da PUC Campinas realiza o pagamento do Imposto de Renda também pela internet
O Prof.Dr. Marcos Francisco Rodrigues Sousa da PUC Campinas realiza o pagamento do Imposto de Renda também pela internet, no site da Receita Federal (Foto: Karina Danielle)

De acordo com Sousa, o desconto simplificado é a forma mais indicada para estagiários ou  contribuintes que não possuem uma renda tão alta. “Você só entra com a renda no aplicativo ou site e opta pelo desconto simplificado que é de 20% sobre o rendimento”, explica.

Por exemplo: se sua renda for de R$40 mil, você tem R$8 mil de deduções, abatimento (independente se não houve gastos médicos, ou com a educação) sobre ela. Porém este abatimento está limitado a R$ 15.880,89.

Em 2015 há algumas novidades, como a declaração utilizando dispositivos móveis (smartphones e tablets) para os contribuintes que receberam rendimentos tributáveis de pessoas físicas no país e que tenham se sujeitado ao recolhimento mensal obrigatório (carnê-leão). Deve ser baixada a versão 2015 do aplicativo que está disponível nos sistemas Android (Google) e IOS (Apple).

O contribuinte também pode fazer um rascunho da declaração que permite informar os dados de pagamentos e recebimentos durante todo o ano, para posterior PGD IRPF, com mais facilidade. A partir deste ano também há a possibilidade de importação dos comprovantes eletrônicos de rendimentos e de pagamentos de serviços médicos e de saúde. Agora as fontes e os serviços médicos e de saúde poderão disponibilizar aos contribuintes os comprovantes do ano de 2014, em formato eletrônico mediante solicitação. Este arquivo poderá ser importado pelo programa IRPF 2015 e as informações serão adicionadas à declaração.

“Hoje ficou muito mais prático, porque no celular ou computador você baixa rapidamente e na fila de um banco, esperando um amigo, ou intervalo de aula você pode fazer sua declaração”, relata Sousa.

 

Editado por Ana Carolina Pertille

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s