Voluntários são mais realizados na vida pessoal e profissional, segundo estudo

Por Ana Carolina Pertille

Um estudo realizado no começo desse ano por pesquisadores da Suíça mostra que pessoas que praticam trabalho voluntário são mais realizadas. Dos 746 trabalhadores entrevistados, 260 disseram ter realizado pelo menos um trabalho voluntário no último ano. Eles apresentaram um índice de estresse muito menor do que os que não voluntariaram e também um equilíbrio maior entre a vida pessoal e profissional.

Após os resultados, os autores do estudo chegaram a conclusão de que ser voluntário, apesar de ‘gastar’ energia e tomar parte do seu tempo, pode contribuir para uma sensação de equilíbrio na vida das pessoas, tanto na parte pessoal, como na profissional. Dessa maneira, o voluntariado pode influenciar em uma melhora na saúde.

Untitled Infographic (2)
Pesquisa realizada na Suíça em fevereiro desse ano mostra que voluntários são mais realizados (Infográfico: Ana Carolina Pertille)

 

Fernanda Lagoeiro é estudante de jornalismo e redatora em um site de viagens, mas é voluntária desde antes da faculdade.  Desde 2011, ela cobre eventos da ONG Hospitalhaços e escreve os releases. “Me ajudou a decidir que eu realmente queria fazer jornalismo. Além disso, conheci muita gente e fiquei um pouco menos tímida porque interagia mais com as pessoas”, afirma. Ela disse ainda que pelo fato da ONG trabalhar com crianças portadoras de câncer, sempre olha para sua vida de maneira diferente. “Eu tenho o maior prazer em disponibilizar às vezes um fim de semana, se eu souber que vou arrecadar alguma ajuda pra criança e melhorar a vida dela, nem que seja um pouco”.

Na mesma ONG, mas com um trabalho diferente, Gabriel Ardito é montador de móveis planejados, mas nas horas vagas se veste de palhaço e visita as crianças no hospital. “Acho que faz você sentir-se abençoado. Isso muda seu ponto de vista. Ver que a felicidade mesmo não depende de nada além do momento presente, que tudo é muito passageiro”, afirma.

Dono de uma agência de publicidade e propaganda, João Guilherme Montevecchio é voluntário na ONG Sonhar Acordado e dirige um projeto interno chamado Contando Sonhos. “O trabalho voluntário tem um reflexo muito positivo na vida de qualquer um. Você se torna responsável por algo”, disse. Ele afirma ainda que ser voluntário fez com que sua responsabilidade aumentasse. “Me tornei mais responsável, mais determinado, passei a acreditar mais nas pessoas, passei a confiar mais nas pessoas e em mim mesmo, passei a buscar mais meus objetivos”.

Já para Juliana Mie, que trabalha com vendas em uma agência de viagens, trabalhar como voluntária – também na ONG Sonhar Acordado – é muito mais que um simples trabalho voluntário. “A missão da ONG é formar jovens líderes por meio da transmissão de valores, e eu acabo aprendendo mais que as crianças. Isso influencia muito na minha vida pessoal, no trabalho, em tudo”, afirma.

Untitled Infographic
Para todos os voluntários, a sensação de gratidão é recompensadora (Infográfico: Ana Carolina Pertille)

 

 

Editado por Bruna Gomes

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s