Exercícios físicos protegem jovens da depressão

Por Tiago Soares

Uma pesquisa realizada recentemente pelo professor de psicologia da Universidade do Texas, nos EUA, Camilo Ruggero, apontou que de um total 437 estudantes apenas os com melhores Índice de Massa Corporal (IMC) estão menos sujeitos ao surgimento do comportamento depressivo.

O estudo apresenta que o ato de praticar esportes ou atividades físicas durante a fase de transição para a vida adulta ajuda no bom humor dos praticantes, devido aos seus benefícios como: estímulo do sistema imunológico, prevenção de doenças cardíacas, moderação do colesterol e outros.

O jogador das categorias de base da Ponte Preta, Matheus Domingues, fala sobre a importância do futebol em sua vida e carreira: “Futebol e esporte, para mim, é tudo! Eu me sinto a pessoa mais feliz do mundo quado estou praticando, é uma sensação única, apenas quem ama sabe o que eu falo”. A afirmação do jogador reflete as qualidades do esporte e dos execícios físicos na vida dos praticantes. Na depressão, a pessoa fica com a autoestima baixa, mas a ação de se exercitar, praticar uma atividade física eleva a autoestima naturalmente.

O esporte e a atividade física é, portanto, uma forma de prevenção sem medicamentos e  proporciona uma vida mais saudável,  e consequencialmente, evita esse transtorno que mata milhares de pessoas anualmente.

frghdgh (4)

 

Editado por Keyla Cavalcante

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s