População quer regulamentação de comportamentos na internet, diz pesquisa

Infográfico: Juliana Marcelino

Por Juliana Marcelino

De acordo com a DataSenado, no levantamento realizado em outubro deste ano, cerca de 94% dos pesquisados são favoráveis a punição de quem acessar informações sigilosas de um site ou página na internet sem autorização. Também foi constatado que em torno de 89% concordam que existe crime quando alguém utiliza o computador para obter informações confidenciais sobre uma pessoa.

A pesquisa, que englobou 1.232 pessoas em 119 municípios, foi realizada com o intuito de descobrir a opinião dos cidadãos sobre determinados pontos levantados pela Comissão de Reforma do Código Penal, como a criminalização de determinados comportamentos virtuais.

Atualmente os crimes digitais são enquadrados como delito de falsidade ideológica. Caso seja aprovada a proposta de criminalização, práticas comuns na web, como o stalking  (perseguição obssessiva a uma outra pessoa, invadindo ou perturbando sua privacidade) e o cyberbullying (intimidação repetitiva pela internet), podem ser punidos com até quatro anos de prisão.

Uma vez aprovada a lei, determinados comportamentos facilmente encontrados nas redes sociais, como o acompanhamento do perfil de certos usuários, podem ser considerados como crime de stalking. Veja abaixo alguns dados sobre a maior rede social do momento, o facebook.

Infográfico: Juliana Marcelino
Acompanhar o perfil de outros usuários pode ser considerado stalking, com nova lei

Editador por Jéssica Bueno

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s