Apresentação de teatro abre a “Semana de Jornalismo”

Por Gisleine Monique

Na próxima segunda feira, dia 1 de outubro, às 19h30, o Centro de Cultura e Arte (CCA) apresenta no Campus I da PUC Campinas, um trecho do texto “Senhora dos Afogados”, escrito em 1947, pelo dramaturgo Nelson Rodrigues.

A exibição será gratuita e única, com aproximadamente 15 minutos de duração e aberta ao público. Para garantir lugar na plateia será necessário chegar com antecedência, pois serão disponibilizados 99 lugares.

Sob a direção de Paulo Afonso, a montagem tem canções de Alexandre Guerra e Ratnabali Adhilkari. O elenco é formado por três alunos que integram o Grupo de Teatro da PUC, são eles: Ana Káthia Guerra, Débora Lobo e Jefferson Bernardo.

De acordo com Paulo, a escolha em exibir a parte da peça “Senhora dos Afogados”, foi à maneira que encontrou para prestigiar Nelson Rodrigues.

Ao longo de dois meses de ensaios árduos, o grupo deu vida aos personagens com características marcantes que compõem a trama de uma tradicional família brasileira.

Enredo
O texto narra a história de Moema, a filha mais velha que guarda um amor incondicional pelo pai. A fim de não dividir a atenção do pai com as irmãs mais novas, Moema resolve afoga-las no mar. Numa obra repleta de mistérios, ela consegue ser a única mulher na vida do pai até que ele morre e ela fica sozinha.

“Senhora dos Afogados”, foi escrita em uma época na qual o autor buscava retratar temas místicos, sendo, portanto, censurada e interditada pela justiça e, liberada após 7 anos de sua criação.
Para Ana Káthia, que vive o papel de Moema, a maior dificuldade que obteve para a criação da sua personagem foi acreditar nela mesma. “Acreditar que eu seria capaz de fazer drama, eu nunca achei que iria fazer isso”, ressaltou.

Já para Jefferson, estudante do curso de direito, fazer um personagem de Nelson Rodrigues é um trabalho que intimida logo no início. “É um gênero bem difícil, é uma coisa extremamente psicológica a gente se por numa situação que não imagina. Nem todo mundo gosta do Nelson e por isso, o esforço é maior”.

Outra dificuldade encontrada no desenvolvimento da cena foi o trabalho de expressão corporal. A estudante de ciências sociais, Débora Lobo, comentou como foi interpretar uma velha. “Meu maior desafio foi o trabalho corporal, entender que agora eu sou uma velhinha e não uma menina de 22 anos”.

Vale lembrar que no ano de 2012 comemora-se o centenário de Nelson Rodrigues.

Veja a entrevista com o professor e diretor Paulo Afonso.

Conheça os atores e como foi o processo de criação dos personagens.

Confira as imagens dos ensaios:


Serviço
Teatro: “Senhora dos Afogados”
Direção: Paulo Afonso
Elenco: Ana Káthia Guerra, Débora Lobo e Jefferson Bernardo
Quando: 01 de outubro, segunda – feira
Onde: Sala 803, Prédio H01 do Centro de Linguagem e Comunicação (CLC)
Quanto: gratuito
Horário: às 19h30

_

Editado por Natália Beraldi

3 comentários

    1. Que bom que gostou Stephanie. Pude acompanhar parte desse trabalho e, afirmo que foi desenvolvido com muito esforço, dedicação e feito para vocês. Prepara a agenda porque vai ter mais sim. Dia 23 de novembro, apresentamos o espetáculo sobre cinema que trará uma abordagem sobre os diferentes gêneros, comédia, romance, cinema nacional, a invenção do cinema, cinema mudo e, muita coisa boa pra ser conferida.
      Fiquei muito feliz em ver a turma do 3ª ano de jornalismo em peso na platéia. Espero contar com você e com todos para a estréia do dia 23. Beijinhos

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s