Bradesco e Itaú reduzem taxas de juros a partir de hoje

Os bancos Bradesco e Itaú Unibanco reduzirão suas taxas de juros, principalmente para financiamento de veículos e obtenção de crédito pessoal a partir de hoje (23/04). O reajuste se deu após a iniciativa da Caixa Econômica Federal e do Banco do Brasil, que há duas semanas já trabalham com taxas menores.

A decisão por baixar  taxas de juros foi tomada após declaração da presidente Dilma Rousseff, onde ela defendeu a redução do spread brasileiro – ou seja, a diminuição na diferença entre o valor que bancos brasileiros pagam para captar dinheiro e que cobram para emprestá-lo – quanto maior a diferença entre esses valores, piores são as taxas para o cidadão comum.

Após as mudanças percentuais nas taxas, o Bradesco de hoje em diante cobra os seguintes valores por alguns de seus serviços: empréstimo de crédito pessoal cai de 2,66% para 1,97% ao mês, no mínimo. Outra variação acontece na taxa de juros cobrada pelo financiamento de veículos, que passa de 1,35% para 0,97% ao mês. Para o uso do cheque especial (LIS) a taxa de juros será cobrada em 1,95% ao mês. A taxa para uso de cartão de crédito passa a ser cobrada a 3,85% ao mês.

No mesmo ritmo, o Itaú também providenciou mudanças, e agora trabalha taxas diferenciadas para alguns itens:  no cheque especial (LIS) a taxa cobrada a partir de agora  é de 1,95% ao mês. Para compras com o cartão de crédito, a taxa de juro passa a ser cobrada também a 3,85% ao mês, com a possibilidade de variação deste valor. Observe que para os dois últimos serviços os valores estipulados pelas duas instituições financeiras não variam.

Em meio a essas mudanças, o Banco Central (BC) divulgou uma pesquisa comparativa entre os principais bancos do país e as taxas cobradas por eles pelos seus principais serviços antes das mudanças acontecerem, e as novas taxas entrarem em vigor. Confira os gráficos abaixo onde foi feito um comparativo entre os percentuais pelo uso do cheque especial, crédito pessoal e  financiamento de veículos.

Ranking: valores cobrados pelo uso do cheque especial

Monique Ribeiro
Taxas por ordem crescente: Caixa Econômica Federal (5,09% a.m); Banco do Brasil (8,62% a.m); Banco Bradesco (8,76% a.m); Itaú Unibanco (8,83% a.m) e Banco Santander Brasil (10,34 % a.m)


Ranking: valores cobrados pela contratação de crédito pessoal

Monique Ribeiro
Percentuais de cobrança: Caixa Econômica Federal (2,19% a.m); Banco do Brasil (2,71% a.m); Banco Santander (3,57% a.m); Itaú Unibanco (3,99% a.m); Bradesco (4,78% a.m)

Ranking: valores cobrados pelo financiamento de veículos

As menores taxas cobradas pelos cinco bancos são utilizadas no financiamento de veículos: Banco do Brasil (1,55% a.m); Santander (1,68% a.m); Bradesco (1,69% a.m); Itaú Unibanco (1,82% a.m) e Caixa Econômica Federal (1,85% a.m)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s